Defensoria Pública participa da Campanha Municipal dos 16 Dias de Ativismo pelo Fim da Violência Con


DPE-AM prestou atendimento à população na primeira etapa do Conjunto Viver Melhor nesta sexta-feira

A assistente de serviços gerais Noele Pires Ribeiro, 35, aproveitou o atendimento do “Defensoria Itinerante” na primeira etapa do Conjunto Viver Melhor, nesta sexta-feira, dia 24 de novembro, para dar entrada em seu processo de divórcio. Ela foi uma das 77 pessoas atendidas pela Defensoria Pública do Estado do Amazonas (DPE-AM), na Campanha Municipal dos 16 Dias de Ativismo pelo Fim da Violência Contra as Mulheres, em que a instituição atua como parceira.

A campanha ocorre em alusão ao Dia Internacional para a Eliminação da Violência Contra as Mulheres, celebrado neste sábado, dia 25 de novembro.

Para Noele, o atendimento itinerante ajudou a resolver uma pendência, já que, segundo ela, o divórcio é consensual e bastava apenas oficializá-lo. Outra que também aproveitou a oportunidade, foi a auxiliar de serviços gerais Mery Rayra Souza da Costa, 39, que deu entrada em uma ação de retificação de registro do filho menor.

A ação foi realizada no Cemei Caio Carlos Freitas de Medeiros, com atendimentos iniciais, para dar entrada em processos na área de família e registros públicos. A área de família engloba questões como, ações de alimentos, divórcio (consensual e litigioso), guarda e investigação de paternidade, entre outros. Na área de registros públicos, a população tem atendimento para questões como retificação de registros. Também foi realizada a consulta de processos, encaminhamento para outras unidades e orientações.

Zona Norte - Neste sábado, o “Defensoria Itinerante” estará bairro Monte das Oliveiras, zona norte de Manaus, com o projeto Prefeitura Mais Presente, prestando atendimento à população na Escola Municipal Dom Milton Pereira, na Avenida Arquiteto José Henrique Bento Rodrigues, s/n. O atendimento será de 8h às 12h, com a distribuição de 50 senhas.

A defensora pública Caroline Braz, que coordena o projeto “Defensoria Itinerante”, orienta que a população busque atendimento já munida de Carteira de Identidade, CPF, comprovante de residência, endereço da outra parte, Certidão de Nascimento dos filhos e Certidão de Casamento, se houver.

#DPEAM #16DiasdeAtivismopeloFimdaViolênciaContraa #Violênciacontramulheres #DefensoriaItinerante

25 visualizações