Adolescentes do Projeto Ensina-me a Sonhar celebram começo de uma vida nova em excursão ao Musa


Projeto da DPE-AM visa a ressocialização de adolescentes em cumprimento de medidas socioeducativas e dá oportunidade de estágio na instituição

Seis adolescentes do Projeto Ensina-me a Sonhar que conquistaram a oportunidade de estagiar na Defensoria Pública do Estado do Amazonas (DPE-AM) celebraram o começo de uma nova vida com um passeio no Museu da Amazônia (Musa), na sexta-feira, dia 02 de março. O jovens foram acompanhados pelo defensor público-geral, Rafael Barbosa, e pelas defensoras públicas Dâmea Mourão e Monique Cruz, que coordenam o projeto juntamente com Juliana Lopes, também defensora pública.

Os jovens nunca tinham ido a um museu e, ao conhecer o Musa, se encantaram e ficaram atentos às explicações do guia sobre os animais e a vegetação característica da Amazônia. “Que peixe grande é esse?”, perguntou Ronaldo (nome fictício), impressionado com um pirarucu exposto em um dos aquários do museu.

Eles também se impressionaram com insetos, como a formiga Tucandeira. “Caramba, essa não é aquela formiga que os índios colocam na mão?”, questionou Marcelo (nome fictício), depois de ouvir sobre a dolorosa ferroada e se referindo ao ritual indígena. E ainda ficaram curiosos com os objetos indígenas em exposição, como diversos tipos de matapis, armadilhas usadas na pesca. “O que é isso? É bonito, vou até tirar umas fotos!”, disse Ronaldo novamente.