Defensoria Pública participa de reunião no MPF sobre acolhimento a imigrantes


O Ministério Público Federal (MPF) reuniu nesta quarta-feira, 30, órgãos estaduais e municipais para discutir estratégias e o aperfeiçoamento de medidas de acolhimento para imigrantes venezuelanos indígenas e não-indígenas, no Amazonas. Entre as instituições participantes está a Defensoria Pública do Estado (DPE-AM) que, na ocasião, foi representada pelo defensor público, Roger Queiroz, da Defensoria Especializada na Defesa de Direitos Humanos.

“A questão dos imigrantes é de direitos humanos e a Defensoria Pública acompanha essa discussão e sempre está atenta para apresentar contribuições que possam melhorar o acolhimento e assistência a essas pessoas. Nosso trabalho é a assistência individual, mas quando participamos de um grupo com instituições importantes, e com papéis fundamentais nesse processo, podemos ajudar a construir uma política de acolhimento mais efetiva e humana”, destacou o defensor Roger Queiroz.