Com mentoria da Divisão de Inovação e Tecnologia da Defensoria Pública, equipe vence maratona Global


Plataforma de serviços criada pela equipe vencedora intermedeia diálogo entre consumidor, advogado e empresa na busca de soluções e acordos, reduzindo número de ações na Justiça

A equipe que teve a mentoria da Divisão de Inovação e Tecnologia (DIT) da Defensoria Pública do Estado (DPE-AM) foi a campeã, este fim de semana, em Manaus, da Global Legal Hackathon, maratona mundial de programação que busca o desenvolvimento de soluções inovadoras para o sistema de Justiça. O evento foi realizado em mais de 60 cidades ao redor do mundo e mais de 22 países simultaneamente, com transmissão AO VIVO.

Os vencedores de Manaus terão o projeto submetido a uma avaliação da organização do evento com os campeões de outras cidades do Brasil, para eleger o que vai disputar a categoria de melhor projeto a nível mundial.

A equipe campeã, denominada “You Solve”, em português Você resolve, recebeu a mentoria da diretora adjunta do DIT, Cristina Araujo. Durante três dias, Cristina ajudou a equipe a criar uma plataforma digital de intermediação que facilita a vida do cidadão que tem problemas na área do consumidor. Segundo Cristina, é comum pessoas que têm problemas com empresas aéreas, por exemplo, deixarem de procurar seus direitos de ressarcimentos pela burocracia e tempo para ajuizar uma ação.

“Nesse caso, a plataforma de serviços de aplicação criada pela You Solve consegue fazer conexões intermediando o diálogo do consumidor, advogado e a empresa. A plataforma dá orientações ao consumidor, registra e acompanha cada etapa. E o cidadão que normalmente deixaria de correr atrás de seus direitos porque pensaria na perda de tempo e esbarraria na burocracia, consegue ter acesso a uma solução de forma rápida e desburocratizada”, explicou.

A plataforma recebeu o mesmo nome da equipe e se destaca pela resolução de problemas simples do consumidor, o que reduziria o número de ações ajuizadas e que levam anos para ter um desfecho na Justiça. “A plataforma resolve com rapidez e descomplica a burocracia em conflitos. Pode resultar em um acordo com a empresa, mas se não houver o cidadão tem na plataforma toda a base para fazer o peticionamento em um juizado especial e um leque de advogados que estarão ranqueados por pontuação em cada área específica para atender a demanda apresentada”, disse.

O defensor público Ricardo Paiva, diretor de Planejamento da DPE-AM, e coordenador do DIT, participou da abertura do evento e na ocasião falou sobre o trabalho desenvolvido pela Divisão de Inovação e Tecnologia e das ferramentas desenvolvidas para melhorar os serviços da Defensoria. Para ele, a iniciativa é uma oportunidade para buscar ações de aprimoramento do Direito.

“A Defensoria está sempre atenta as atualizações da operação do Direito e esse evento com alcance mundial é uma oportunidade excelente para criar ferramentas e soluções inovadoras que acompanhem a modernidade. É uma satisfação muito grande para a Defensoria Pública do Amazonas poder contribuir para inovações que busquem o aprimoramento do sistema de Justiça e desburocratização para que o cidadão tenha seus direitos assegurados. No DIT desenvolvemos várias soluções para o beneficiamento do nosso assistido na Defensoria e estaremos sempre colocando a expertise da nossa equipe a serviço de iniciativas que venham a somar com o cidadão”, ressaltou o defensor.

#Defensoria #equipe #vencedora #maratona #GlobalLegalHackathon

0 visualização