Com atuação inédita da Defensoria do Amazonas, homem é condenado a 17 anos de prisão por feminicídio


Esta foi a primeira vez que a DPE-AM atuou como assistente da acusação em um caso de feminicídio

A atuação inédita da Defensoria Pública do Estado do Amazonas (DPE-AM) como assistente de acusação em um caso de feminicídio resultou na condenação de um homem que matou a esposa a facadas na frente dos filhos, em 2016. Na quarta-feira, 17, o homem de 35 ano