Detentas de Manaus participam de palestra da Defensoria sobre direitos e deveres no regime prisional

Internas receberam orientações sobre a falta grave e a progressão na execução penal




O Núcleo de Atendimento Prisional da Defensoria Pública do Estado (NAP/DPE-AM) realizou, nesta quarta-feira (5), uma palestra sobre a falta grave e a progressão na execução penal com 16 detentas da Penitenciária Feminina de Manaus (PFM). A orientação foi ministrada pelo defensor público Diêgo Castro.


Durante o encontro, que durou mais de duas horas, as presas também tiveram a oportunidade de tirar dúvidas sobre os direitos na execução penal. A Lei 7.210/1984, conhecida como Lei de Execuções Penais, aponta os direitos, deveres e normas a serem cumpridas no regime prisional, além das consequências em caso de descumprimento.


Caso seja comprovada a falta grave, o condenado pode sofrer sanções como a interrupção do prazo para a progressão de regime, entre outras. “As internas são muito interessadas em conhecer mais sobre a fração que lhe é aplicada e as consequências da falta grave. Elas sempre têm muitas perguntas sobre a temática. A confiança delas no trabalho da Defensoria é enorme”, destacou o defensor Diêgo Castro.


O NAP/DPE-AM pretende organizar novas palestras para alcançar mais presas, além de realizar a certificação por meio da Escola Superior da Defensoria Pública do Amazonas (Esudpam), para que a iniciativa seja incorporada no processo de remissão de pena.

26 visualizações
INSTITUCIONAL
Please reload

DIÁRIO OFICIAL
Please reload

CONSELHO SUPERIOR
Please reload

LEGISLAÇÃO
SERVIÇOS
Please reload

IMPRENSA
Please reload

Please reload

Avenida André Araújo, nº 679 - Bairro Aleixo
CEP 69060-000 | Manaus - Amazonas